Álvares Machado, SP -

Apresentação da lição em power point

Mais apresentações em:http://www.slideshare.net/ailtonsilva2000/presentations

segunda-feira, 19 de abril de 2010

ilustração - O cachorro e o coelho


Eram dois vizinhos, o primeiro comprou um coelhinho para os seus filhos. O outro comprou um cachorro, um pastor alemão, porém o primeiro ficou preocupado, pois o cachorro poderia matar o coelhinho.


- De jeito nenhum, disse o vizinho, o meu cachorro é ensinado, não vão ter problemas e além do mais, eles crescerão juntos.

E parecia que tinha razão, foi isto realmente que aconteceu, os dois animais ficaram amigos, era normal ver o cachorro no quintal do vizinho junto com o coelhinho e vice-versa.

Eis que o dono do coelho foi passar um final de semana na praia com a família e o coelho ficou sozinho. Isso foi na sexta feira.

No domingo a tarde, o dono do cachorro e a sua família tomavam um lanche quanto entra o cachorro na cozinha. Ele trazia entre os dentes o coelho do vizinho, estava imundo, ensangüentado, arrebentado, sujo de terra e morto. O dono quase matou o cachorro de tanto bater.

- Ele estava certo, este monstro de cachorro matou o coelhinho.


- E agora, o que vamos fazer?
A primeira providência foi bater sem dó no cachorro, escorraçou o animal para ver se aprendia o minino de civilidade. Ele ficou do lado de fora da casa, chorando e lambendo as feridas da surra que levou.

Mas em algumas horas os vizinhos iriam chegar e veriam o coelhinho morto, resolveram dar um banho no coelho, deixaram limpinho, usaram um secador de cabelo, perfumaram e o colocaram na sua casinha. Parecia que estava vivo. Foram para casa para ver no que daria aquela historia.

Algumas horas depois os vizinhos chegaram e dava para ouvir de lonve os gritos das crianças chamando pelo coelho, que dor no coração, como iria explicar que o seu cachorro havia matado o coelho.

Não deu cinco minutos e alguém bateu na porta, era o vizinho com o coelho na mão, ele ficou branco, esperando pelo pior.

- O coelho, o coelho.

- O que tem o coelho

- Morreu!

Ele disse:

- Mas ele parecia tão bem hoje de manhã, correndo pelo quintal.

- Não, ele morreu na sexta feira, antes de sairmos para a praia, as crianças enterraram ele no fundo do quintal e agora ele reapareceu limpinho dentro da casinha.

A HISTORIA TERMINA AQUI, o que aconteceu depois não importa, somente tente responder estas perguntas:

1- Quem era o personagem principal da historia? O coelho, os vizinhos, os filhos ou o CACHORRO?

2 – Que tipo de sentimento levou o CACHORRO a procurar desesperado, durante três dias, o seu amigo de infância?

3 – Quem é o herói da historia?

4 – Quem é o bandido?

5 – Sentir pena do CACHORRO? Do coelho ou de nós?
O cachorro farejou o amigo enterrado e desesperado desenterrou o corpo. Levou-o entre os dentes, para que pudesse ser salvo, mas o seu dono estava lanchando com a família na cozinha e não percebeu os olhos lacrimejando do cachorro que chorava pela perda do amigo, estava pedindo socorro.

Apanhou sem entender o porque, chorou pelas dores e pela perda do amigo.

Aplicação:
Nós continuamos imaginando que um banho, um secador e um perfume são capazes de disfarçar ou maquiar a hipocrisia ou o animal irracional que existe dentre de nós, pois continuamos julgando pela aparência.


"JESUS, O FIEL AMIGO"

Nenhum comentário:

Postar um comentário