Apresentação da lição em power point

terça-feira, 26 de abril de 2011

Igreja de Presidente Prudente tem novo Pastor

1 hora antes da abertura da Assembléia geral extraordinária

O Pastor Carlos Padilha de Siqueira foi reempossado como Pastor Presidente do Campo de Presidente Prudente na última segunda feira, dia 25/04, substituindo seu saudoso filho Pastor João Carlos Padilha de Siqueira, promovido as mansões celestiais no ultimo dia 21/04.

O culto iniciou exatamente às 19 horas e 45 minutos, após o costumeiro e necessário período de oração. A diretoria da Iigreja estava reunida juntamente com o Pastor José Welington Bezerra da Costa (Confradesp e CGADB), e muitos outros pastores de São Paulo e interior. Seguiram-se louvores da harpa Cristã, congregacional e do circulo de oração do campo, sob a regência da irmã Márcia Padilha.


A Assembléia geral extraordinária foi oficialmente declarada aberta as 20 horas e 25 minutos, sob a presidência do pastor José Wellington.

Na ocasião o pastor apresentou o nome do Pastor Carlos Padilha de Siqueira para ser apreciado pela Igreja, indicação da Diretoria do Campo que oficialmente apresentou logo após a renúncia de todos os membros da Diretoria e Conselhos Fiscal e de Compras.

Como era esperado por todo o campo a aprovação ao nome do Pastor Carlos Padilha foi unânime, inclusive seguido de aplausos, em reconhecimento aos serviços prestados por este patrimônio das Assembléia de Deus do Brasil, nas duas outras ocasiões em que esteve a frente do campo.

A humildade deste homem de Deus é digna de registro. No momento da oração, após o anúncio de sua aprovação e declaração de posse, a Igreja foi convidada para uma oração e como se fosse um menino, como se fosse a primeira posse de sua vida, o pastor Carlos Padilha de Siqueira, no auge de seus 84 anos, radiante por receber mais esta missão, ajoelhou-se espontaneamente para receber a oração da Igreja, que prontamente percebeu o ato de humildade deste nosso pai da fé regional.

Seu primeiro ato como pastor empossado foi agradecer à Igreja pelos momentos em que estiveram ao lado de sua família nesta semana que se passou. Reconheceu o esforço de cada nestes últimos sete dias, que segundo ele, foram de intensos trabalhos na Igreja sede, pois foram 7 dias seguidos de cultos, por isso decidiu, naquele momento, que o culto de hoje, terça feira, não será realizado.

O segundo ato foi convocar e reconduzir toda a diretoria do campo, que havia renunciado, aos seus devidos cargos de origem e pediu a colaboração de todos para que o trabalho da Igreja do Senhor continue na cidade de Presidente Prudente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário