Apresentação da lição em power point

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

8) A tentação de Jesus - segundo os 4 Evangelistas

MATEUS 4”1-11
• 1 – Os patriarcas saíram de suas pátrias, deixaram famílias, amigos para peregrinarem por outras terras e desertos para provarem serem dignos de receberem suas respectivas bênçãos, da mesma forma, Jesus foi impelido pelo Espírito Santo para o deserto, não para a mesma finalidade, mostrar-se digno, mas então qual terá sido a diferença? Eles foram porque deram crédito ao chamado e Jesus foi levado para ser tentado pelo maligno, por isto era necessário o jejum, pois a peleja seria duríssima;

• 2 – tendo jejuado 40 dias e 40 noite teve fome. Todo este tempo Ele suportou?

• 3 – Enfim chegou o momento do encontro com o tentador. Ele já chegou dando ordens: “se Tu és”, mande que estas pedras se transformem em pão”. Ele sabia que era;

• 4 – Jesus não disse nada quando ouviu a voz do Pai, vinda do céu no seu batismo, também ficou calado quando ouviu o testemunho de João Batista, mas agora era preciso dizer algo;

• 4b – “NEM SÓ DE PÃO VIVERÁ O HOMEM”

• 5 – Então o maligno o tentador o transportou a cidade santa, mas como? E o colocou sobre o pináculo do templo. Ficou levando Jesus de um lado para o outro, como uma folha seca ao vento?

• 6 – “Se tu és”. Jesus não necessitaria dar ordens aos anjos para que o sustivesse, era somente dar ordens aos montes ou a terra para que se juntassem um ao outro;

• 7 – Jesus disse: “Não tentarás ao Senhor teu Deus”, Senhor teu Deus!;

• 8 – Outro transporte, agora para um alto monte e mostrou todos os reinos deste mundo, que temporariamente estão nas mãos dele. Não tem nenhuma preocupação e não da valor nenhum. Seria possível Jesus dizer algo semelhante: “Tomem o meu reino, que o meu Pai me deu”, jamais Ele dirá isto, tem cuidados de nós;

• 10 – Jesus resistiu as ofertas do tentador, pois não queria ter mais do que o necessário, não queria se aparecer diante dos homens, não queria glória momentânea. Se tivesse aceitado, então literalmente Ele teria pulado de um alto monte.

MARCOS 1”12-13
• 12 - Ninguém vai ao deserto por conta própria, somente impelido pelo Espírito Santo;

• 13ª – 40 dias sendo tentado pelo inimigo;

• 13b – vivendo entre feras;

• 13c – sendo servido pelos anjos (atendido em suas necessidades?)

LUCAS 4”1-13
• 1 – foi levado pelo Espírito Santo ao deserto;

• 2 – foi tentado, não comeu nada e terminado os 40 dias teve fome;

• 3 – idêntico a Mt 4”3;

• 4 – idêntico a Mt 4”4;

• 5 – idêntico a Mt 4”8;

• 6 – inimigo dá o reino a quem desejar, não faz questão nenhuma?

• 7 – idêntico a Mt 4”9;

• 8 – idêntico a MT 4”10;

• 9 – idêntico a Mt 4”15;

• 10 – idêntico a Mt 4”16a;

• 11 – idêntico a Mt 4”16b;

• 13 – terminado a sua tarefa de tentar, ele se ausentou de Jesus, por algum tempo.

JOÃO
• Não há registros.

PRÓXIMO ASSUNTO: OS PRIMEIROS DISCÍPULOS DE JESUS

Fonte:
Bíblia de estudo aplicação pessoal. CPAD, 2003

Bíblia Sagrada: Nova tradução na linguagem de hoje. Barueri (SP). Sociedade Bíblica do Brasil, 2000

Bíblia Sagrada – Harpa Cristã. Baureri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil, Rio de Janeiro: Casa Publicadora das Assembléias de Deus, 2003.

Por: Ailton da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário