Presidente Prudente (SP),

Apresentação da lição em power point

sábado, 15 de outubro de 2011

Dinâmica para domingo

QUEREM INVADIR OS TEMPLOS (DE ISRAEL E DO ESPÍRITO SANTO)

A vigilância deve ser constante, pois o inimigo andar ao derredor bramando como leão, a procura de brechas para invadir e tomar o nosso maior tesouro espiritual. A nossa salvação.

MATERIAL NECESSÁRIO
• Uma caixa, baú ou algum objeto para simbolizar a arca de Israel e outro para simbolizar o espírito do homem (sugestão: a Bíblia);
• 4 alunos.

DESENVOLVIMENTO – TEMPLO DE JERUSALÉM:

Colocar os três alunos em fila, cerca de 1 metro de distância e a arca depois do terceiro. O quarto aluno deverá ficar ao derredor dos três (de preferência, se puder, bramando como leão). Cada um terá a seguinte função:
• O primeiro representará os muros de Jerusalém. Oriente para que fique de braços abertos;
• O segundo representará o Templo;
• O terceiro representará o Santo dos Santos
• O quarto representará o inimigo de Israel.

Missão do inimigo de Israel:
Invadir Jerusalém e tomar a arca. O quarto aluno deverá simular a invasão da cidade. Para isto ele:
• Derrubará primeiramente o muro (eliminando o primeiro aluno);
• Depois a sua intenção é profanar o Templo (eliminando o segundo);
• Quando chegar no Santo dos Santos (terceiro aluno), peça um tempo e pergunte a ele (como se o professor também fosse um invasor) se tem realmente coragem de fazer isto e se é preciso? Oriente para que ele responda que é necessário, pois roubando o maior símbolo deles a vitória será maior. Trabalhe I Samuel 4”11-21 (Quando Eli soube que Israel havia fugido, não se importou muito, pois um dia ganha e outro perde, normal. Quando soube que seus filhos estavam mortos, talvez tenha se lembrado do que Samuel tinha lhe profetizado a respeito deles, mas quando soube do roubo da arca (I Sm 4”18), caiu para trás, sua nora gerou e não fez caso da criança “Icabô)
• O invasor deve pegar a arca e retornar pelo mesmo caminho, ou seja, saindo do Templo e passando pelos muros caídos.

DESENVOLVIMENTO – TEMPLO DO ESPÍRITO SANTO:
Colocar os três alunos em fila, cerca de 1 metro de distância e ao final a Bíblia. O quarto aluno deverá ficar ao derredor dos três (de preferência, se puder, bramando como leão). Cada um terá a seguinte função:
• O primeiro representará o corpo humano;
• O segundo representará os nossos sentidos (olfato, visão, tato, paladar e audição), frise a classe que todos estes sentidos também são importantes para mantermos uma vida espiritual saudável;
• O terceiro representará a nossa alma, intelecto, pensamento, emoções;
• O quarto representará o espírito do homem.

Missão do inimigo da igreja:
Invadir o Templo do Espírito Santo. O quarto aluno deverá simular a invasão ao Templo. Para isto ele:
• Atingirá o corpo humano (eliminando o primeiro aluno), através de ofertas, manjares, mentiras, argumentos para isto não faltará;
• Depois ele atingirá os nossos sentidos (eliminando o segundo aluno), para cegar espiritualmente (visão), desencorajar a ouvirmos (audição), a discernirmos (paladar), manusearmos (tato) a Palavra e impedindo de sentirmos o aroma (olfato) gostoso da presença de Deus eem nossa vida;
• Passando pelos nossos sentidos o inimigo não encontrará obstáculo para atingir a nossa razão, emoção, intelecto, a nossa alma (elimine o terceiro aluno). Este é o momento de trabalhar o refrigério da alma;
• Pronto, o caminho está aberto para o inimigo tomar a nossa salvação.

CONCLUSÃO:

A função dos inimigos de Israel, do passado, e o da igreja é roubarem o maior tesouro, para os judeus era a arca, para nós é a nossa salvação. Mas para atingir este seu objetivo, os inimigos precisaram e precisam somente de uma minúscula brecha.

Dificilmente ele conseguirá encontrar esta falha se estivermos de acordo com a Palavra, assim como se tornava difícil vencerem Israel com os muros erguidos e as portas levantadas.

Por: Ailton da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário