Apresentação da lição em power point

quinta-feira, 7 de março de 2013

Mensagem 76: O vai e vem de Elias. Uma das maiores revelações de todos os tempos


INTRODUÇÃO
Elias estava desanimado, deprimido, triste e havia pedido até mesmo a morte, tudo isto devido a situação provocada por ele mesmo (1 Rs 18.46). A fuga era a única solução. Deus, o socorro bem presente na hora da angustia (Sl 46.1), nunca o abandonou. Deus não havia desistido do profeta, ainda tinha muito por fazer através da instrumentalidade daquele homem.

A única exigência de Deus para continuar usando Elias foi que ele se dirigisse a Horebe, o monte de Deus, para que lá fosse renovado. A expectativa no coração do profeta foi grande, pois imaginou, durante o caminho, o que lhe esperava naquele lugar. O que Deus poderia fazer de tão especial que pudesse restaurar suas forças e alegrar seu coração temeroso?

a) Vá:
  • Vá a Acabe – e diga que não choverá, EU cumprirei (1 Rs 17.1). Serás honrado como profeta diante do povo;
  • Vá ao Querite – porque já ordenei que os corvos te sustentem (1 Rs 17.3-4). Serás sustentado enquanto todo Israel estará padecendo com a seca, mas cuidado com o ribeiro, ele seca, mesmo que não falte alimento, o ribeiro seca (1 Rs 17.7);
  • Vá a Sarepta – porque já ordenei que uma viúva te sustente – (1 Rs 17.9). Tanto para você quanto para ela nunca faltará;
  • Vá a Acabe - e diga que choverá, EU cumprirei (1 Rs 18.1). Proclame a aproximação da benção, mas não sente na mesa de Jezabel, como os profetas delas costumavam fazer;
  • Vá ao Carmelo e desafie os falsos profetas, Eu te honrarei (1 Rs 18.38). Não temas, ore, espere e confie;
  • Vá pelo caminho do deserto de Damasco para ungires dois reis (Síria e Israel) e outro profeta em seu lugar (1 Rs 19.15-16);
  • Vá a Horebe, o monte de Deus – PORQUE SERÁ CUMPRIDO O SEU CAMINHO (1 Rs 19.7-8). Não tinha promessa e a única certeza era a distancia, mui comprido.
b) O caminho é longo, mas o que Elias ouviu de Deus compensou o esforço:
Deus jamais pediria para Elias enfrentar aquela distancia, cerca de 400 km, somente para dizer que havia em Israel um casal que desejava a sua morte. Isto ele sabia. Tampouco o levaria tão longe somente para dizer que Israel havia apostatado, isto também estava patente aos olhos humanos.

Elias, durante o caminho, clamava: “Deus fale comigo, mas fale algo novo, estrondoso, algo que possa me colocar de pé novamente, me estruturar, renovar minhas forças, alegrar meu coração. Fale algo diferente”. A revelação seria grandiosa.

O que Deus disse a Elias foi tão profundo, edificante, tremendo, que aquele homem logo se colocou de pé e voltou a ativa. Algo nunca visto até então. O seu coração se alegrou, suas forças voltaram e o medo foi embora (1 Rs 19.19; 19.17-27). Elias voltou a ser o Elias de antes.

c) A maior revelação bíblica de todos os tempos
O que Elias ouviu, de boca aberta, foi capaz de colocá-lo em pé novamente. Deus um salto, ergueu as mãos para o céu e adorou a Deus. Qual foi a revelação? “Você não está só, Eu ainda tenho 7000”. Como uma Palavra tão simples transformou a vida daquele homem. Que alegria ao ouvir isto! .

Deus havia trazido Elias de longe para revelar-lhe algo que ele não imaginava, não acreditava (1 Rs 19.14). E aquela missão tripla, seria uma espécie de honra pré-arrebatamento, para aquele que estava acostumado a repreender rei infiel, agora ele ungiria aquele que colocaria um fim na “perturbadora de Israel” (2 Rs 9.30-35), apesar que a unção de Jeú, foi realizada por Eliseu (2 Rs 9.60).

e) “Vem’ – para os braços do Pai
Até então Elias havia ouvido somente “vá” , mas chegou o momento que ele ouviu o “vem” de Deus e não suportou o chamado. Foi correndo. A recompensa pela sua fildelidade (2 Rs 2.11). Realmente o caminho dele é longo (Mc 9.4-5; Ap 11.-12). Inclusive as duas testemunhas do Apocalipse, a qual ele é uma, subirão ao céu depois de ouvirem o “vem” de Deus.

CONCLUSÃO
Deus não havia desistido de Elias e tampouco seu ministério havia chegado ao fim. Ele precisava de mudança, uma transformação e somente Deus poderia fazer algo. A ordem era para se apresentar em Horebe. Ele cumpriu e foi renovado, pois ali, no mesmo lugar que Moisés houvera conhecido Deus e recebido a Lei, Elias recebeu a maior revelação já entregue a um homem. 

Por: Ailton da Silva - Ano IV

Nenhum comentário:

Postar um comentário