Apresentação da lição em power point

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Obediência condicional e incondicional


Obediência condicional:
Se formos infiéis, contudo Ele permanecerá fiel. Em todos os campos da nossa vida somos obedientes, sabendo que teremos uma recompensa ao final, exemplo: cumprimos horários de trabalho para não termos descontos em nossos salários. Pagamos em dia as contas para não arcarmos com juros. Obedecemos professores para não termos notas baixas, mas no caso da salvação de nossas almas é diferente, tem um detalhe:

  •  Muitos saíram do Egito, pois não havia condição para a benção. Deus não exigiu fé e fidelidade, Ele ouviu o clamor do povo e resolveu libertá-los e ponto final, mas para entrar em Canaã a história foi diferente, houve necessidade de fé, fidelidade, perseverança e obediência. Muitos foram chamados para fora do Egito, mas poucos foram os escolhidos para entrarem na Terra Prometida;
  • Para aceitarmos Jesus como Salvador de nossas vidas basta apenas levantarmos as mão e decidirmos, para então Ele entrar em ação e começar a trabalhar em nossa vida, no entanto, para alcançarmos as mansões celestiais, temos que desenvolver uma qualidade de vida que agrade a Deus através da santificação progressiva, exercício da fé, fidelidade e perseverança.

Em relação s salvação, temos que observar um importantíssimo e riquíssimo detalhe: DEUS REQUER OBEDIÊNCIA DE SUA IGREJA E NOS PROPÔS O PRÊMIO DA SOBERANA VOCAÇÃO, ou seja, para alcançarmos as mansões celestiais temos que obedecer, no entanto, esta obediência não nos foi somente apresentada como condição para salvação, ela também é uma opção (sim ou não), nós (os homens) é que a enxergamos somente como condição e às vezes a consideramos pesada para os nossos moldes de vida, momento em que muitos preferem o estilo material e carnal que os distanciam de Deus.

Agora quando o assunto é OBEDIÊNCIA INCONDICIONAL, temos que deixar bem claro que somente Jesus foi capaz de tal proeza. Ser humano nenhum tem condição de obedecer sem requerer algo em troca.

Por: Ailton da Silva - 6 anos (Ide por todo mundo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário