Apresentação da lição em power point

sábado, 6 de setembro de 2014

Neemias: como sair do anonimato? Capítulo 6


CAPÍTULO 6
DIVISÃO, ORGANIZAÇÃO E EXEMPLO

1. A DIVISÃO DO TRABALHO: 
Neemias elaborou muito bem o seu plano de trabalho, pois suas ações foram bem calculadas a fim de não deixar brechas para o inimigo que sorrateiramente estava bramando como leão ao derredor. Ele dividiu as tarefas, ensinou o povo a trabalhar com uma das mãos ao mesmo tempo em que seguravam as armas com a outra.

Envolveu todos os setores da sociedade judaica, religiosos, nobres, povo e trabalhadores para que nenhum pesasse sobre os ombros dos outros. O resultado foi a doação integral de cada judeu para reconstrução da cidade.

Naquele momento não havia espaço para divisões, pois estavam todos envolvidos na obra e não se preocupavam apenas com os seus interesses. Houve unidade em Jerusalém, talvez nunca vista antes, tamanha a grandiosidade e urgência. Daquela grande obra o construtor não foi Neemias, tampouco o povo, eles foram somente instrumentos, ferramentas (6.15-16).

2. ORGANIZAÇÃO E UNIDADE DO POVO: 
Neemias organizou o trabalho de forma a envolver todos os moradores da cidade e desde o início primou pela organização. Os trabalhadores foram distribuídos por toda a extensão do muro. Neemias sabia que o povo estava preocupado com possíveis ataques, por isto distribuiu cada um para que ficasse defronte as suas casas, pois assim caso houvesse algum imprevisto eles protegeriam suas famílias. Outro fator que motivou esta organização foi o acesso a água e alimentação. Com esta organização ele conseguiu eliminar a ansiedade, a preocupação e reafirmou a unidade do povo.

3. NEEMIAS – UM EXEMPLO PARA OS DEMAIS:
Neemias não ficou somente olhando ou esperando resultados, ele tomou posição de um verdadeiro líder e “colocou a mão na massa”, deu o exemplo para os demais. Em toda a sua trajetória em Jerusalém ninguém pode questionar sua conduta, pois cumpriu todas as exigências e teve uma administração pautada pela honestidade, transparência e sabedoria (5.9-12). Exerceu a autoridade de um verdadeiro governador.

4. COMENTÁRIOS ADICIONAIS:
  • Neemias não queria meros expectadores, queria trabalhadores responsáveis;
  • Quem quiser servido, que sirva primeiro;
  • Quer que os outros façam, façam primeiro;
  • E disse Neemias: “Sedes meus imitadores”;
  • O fato de serem orientados a reconstruírem perto de suas casas poderia motivá-los a capricharem mais?
Por: Ailton da Silva - Ano VI (desde 2009)

Nenhum comentário:

Postar um comentário