Presidente Prudente (SP),

Apresentação da lição em power point

sexta-feira, 11 de março de 2016

Fascínio pelos montes. Monte Sião – o maior. Águas do mar Morto. Semeadura antes do preparo. Língua original da Terra. Assírios – os mais cruéis.


Os judeus sempre foram fascinados pelos montes e chuvas, uma explicação aceitável para este fascínio talvez sejam os 400 anos que viveram nas terras planas do Egito, local de pouca incidência de chuvas. Da noite para o dia, saíram do Egito e tomaram posse da Terra Prometida, um local de chuvas a seu tempo e cercada por montes e vales.

Monte de Sião: o mais alto de Jerusalém, aproximadamente a 800 metros acima do nível do mar. Local de habitação dos Jebuseus, antigos moradores da região que foram expulsos pelos hebreus.

Para onde vão as águas do Mar Morto? Ele não transborda, mesmo com o volume que recebe do rio Jordão, mas como o nível das águas se abaixa: as águas do mar Morto evaporam.

Era costume em Canaã a semeadura preceder o preparo da terra, por isto que algumas sementes caiam entre as pedras, espinheiros ou ficavam pelo caminho (Mt 13.4-9).

A humanidade estava toda reunida em torno da Torre de Babel? Não estavam todos lá, mas os que estavam, fatalmente, foram confundidos pela língua. E qual era a língua original que falavam até então? Foi preservada por alguns deles ou foi totalmente esquecida?

Os mais cruéis assassinos de guerra da história foram os assírios. Eles venciam, oprimiam, mas não se contentavam, queriam mais, eles mutilavam, torturavam e matavam seus inimigos, por isto eram odiados e evitados por muitos, inclusive pelo profeta Jonas.

Por: Ailton da Silva - 6 anos (Ide por todo mundo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário