Apresentação da lição em power point

domingo, 19 de fevereiro de 2012

pós aula - lição 8


1. Próximo domingo distribuiremos revista de escola bíblica dominical ungidas, venham buscar a sua!

2. As lições da EBD corrigem os assembleianos. Uma de nossas alunas perguntou se nós também não praticamos a barganha em nossas igrejas. Eu respondi: “Qual é o público alvo de nossas EBD? Alguns ministérios fazem uso de nossas revistas também, mas os escritores e os editores pensam primeiramente em nós, a "assembleianada" (sic), antes que venhamos a cair no erro;

3. Durante a aula entramos no assunto dos mega eventos. Todos os anos saem caravanas para determinada cidade. Os evangélicos lotam hotéis, repúblicas, casas e (praias). Mas nos surgiu uma questão. “Se todos os que se dirigem para lá fossem realmente nos trabalhos seria necessário um Maracanã para abrigá-los. E o que este povo faz durante o dia?. Ficam nas casas? Vão aos montes? Lá tem vários, inclusive poderiam ir no Cristo luz, ideal. Dividem-se em tribos? Setorizam a cidade? E a noite vão ouvir a Palavra do Deus imanente;

4. “Barganha é uma doutrina demoníaca sempre respaldada na religiosidade humana”. José Roberto A. Francisco;

5. No jardim do Éden, o primeiro casal tinha quantos mandamentos? Israel teve quantos? Cerca de 613. E a igreja atual? O evangelho é tão simples;

6. Ninguém sai da cova antes da hora. Ninguém senta no trono antes da hora. Ninguém entra na presença do rei antes da hora. Isto somente acontece depois que tudo o que foi determinado por Deus para a nossa vida aconteça, que o diga Jacó, José, Mefibosete, Jó. Não adianta querer sair antes;

7. A benção da libertação do Egito ocorreu quando: O clamor de Israel foi ouvido por Deus, ocasião quando Ele determinou a saída;

8. Estes dias eu fiz questão de reparar em uma determinada denominação. Parecia um ritual de oferendas. Pensei ter visto demais, por isto dei meia volta e retornei. Hoje de manhã repeti o gesto e lá estava o altar todo enfeitado de frutas, garrafa de suco (creio eu). E pensar que isto pode chegar no nosso arraial. EBD neles;

9. Experiência nossa; estávamos perdendo a identidade. Descambamos por outras veredas;

10. Mefibosete (II Sm 9) sequer esperava algo de bom para sua vida. Ou estava buscando a prosperidade como um louco? Como o rei foi olhar para um cachorro morto?

11. A ordem é para se revoltarem, tocarem as trombetas e darem voltas em torno das muralhas, gritem, mas depois vocês nos ofereçam os seus cabritos, ok;

12. Aceitamos as circunstâncias da vida, como Jacó? Elas são determinadas por Deus. Não mudarão enquanto tudo não se cumprir (Gn 28.15);

13. O que tem de Bíblias desfolhadas, sem capas, de tanta leituras e meditações? Não elas estão assim porque estão sendo jogadas nas paredes de tanta revolta;

14. Jacó orou no deserto e pediu servos e riquezas?José orou na cova pedindo o trono do Egito? Salomão pediu riquezas e morte de seus inimigos? Mefibosete orou para que se assentasse na mesa do rei? Davi orou pedindo logo que Deus lhe desse o trono de Israel?

15. Temos Deus na arca! Deus está na arca! Deus está na arca, no sabonete, na rosa, na tenda, no sal, no azeite, na água, no portal, somente não está na revista da EBD;

16. Nunca ouvi nenhum pregador discorrer acerca do paradeiro da insensata mulher de Jó! Sobre a mulher de Ló, sabemos o destino dela. Estátua às margens do Mar Morto;

17. Muitos pregadores da prosperidade não entrarão na Terra prometida! Apenas chegarão até ao rio Jordão, pois não entrarão, assim como muitos, da multidão, mas eles dirão: “Nós trouxemos o povo, encaminhamos” (esta comparação é feita guardando as devidas proporções, pois o caso de Moisés foi bem diferente);

18. A transcedência de Deus é muito superior ao antropocentrismo, mas constantemente sofre ataques.

Por: Ailton da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário