Presidente Prudente (SP),

Apresentação da lição em power point

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

pós aula - lição 6

1. quando vemos colocar em prática este seu ensinamento, Jesus? Agora é que devemos ser o sal da terra e a luz do mundo? Não, daqui uns dias vocês serão sal da terra e luz do mundo

2. como seria possível Israel impedir que a luz alcançasse os confins da terra, eles conseguiriam segurar o brilho da luz? Se dependesse dos judeus a luz brilharia somente nas praças centrais de Jerusalém?

3. O Espírito Santo vai selecionando os que hão de salvar ou alcança todas as criaturas? Conseguimos arrancar o joio que já está ao lado trigo? Quanto mais selecionar quem deve ou não deve ouvir a palavra.

4. primeiro devemos ser o sal da terra para depois sermos a luz do mundo. Devemos cuidar do nosso caráter para depois testemunharmos. Ser luz do mundo sem sal da terra? Ou sal terra sem ser luz do mundo? Ou nenhum dos dois? Não queiramos ser luz do mundo antes do sal;

5. no mundo encontramos joio e trigo? Encontramos sal e luz? Ou isto somente é visto na igreja?

6. quantos fariseus disfarçadamente paravam e ficavam ouvindo os ensinamentos de Jesus para depois colocarem em prática? Talvez por preguiça de desenrolarem os pergaminhos, os escritos aproveitavam os ensinos de Jesus para aplicarem nas sinagogas.

7. os ensinamentos de Jesus foram rejeitados ou combatidos tanto quanto as suas obras? Não, as obras foram mais.

8. para preservar a carne, sem geladeira, devia ser salgada usando grande quantidade de sal. Salgamos os filhos para permanecerem na presença de Deus? Jogamos em barril, containers, etc? O sal somente é aplicado em algo que guardamos para ser procurado ou usado depois, justamente para não corrermos o risco de procurarmos e não encontrarmos;

9. o sal é para salgar, mas tem gente que usa como combustível, em vez de alimentar com azeite utilizam o sal. Cada um tem a sua função, azeite combustível e sal tempero.

10. Deus olhou para a terra e não viu nenhum justo sequer. Estava na hora de salgar o homem para que este não se perdesse por completo. De vez em quando Deus precisa dar uma salgada na sua igreja, uma despertada;

11. Deus é o único que tem condições de salgar a igreja utilizando grande quantidade. Se jogarmos um foco de luz muito forte na igreja, certamente não ficara um, se salgarmos demais, ai não fica mesmo.

12. precisou Jesus retornar a terra para reforçar aos apóstolos que eles deveriam ser o sal da terra e luz do mundo?

13. uma palavra com sabedoria, com ousadia, na hora certa caracteriza o tempero da igreja. A igreja precisa ser direta e não rodear. Um exemplo disto foi o resultado do concilio de Jerusalém.

14. Falarmos que o mundo está condenado eles já sabem disto, precisamos levar a solução para este problema.

15. o sal insípido fica esquecido no monte, o vento leva de um lado para o outro. Retorna para a água, lama, fica sem rumo.

16. como um sal perde suas propriedade de salgar? Caindo no chão, misturando com poeira, água, lama, etc

17. Se um crente sai da presença de Deus ele se torna útil para o mundo? em vez de salgar ele vai adoçar? Ou fica sem nenhuma utilidade, sonso?

18. o sal não pode ser apenas jogado, mas deve ser mexido para misturar.

19. ninguém lembra do sal quando elogiam a comida? Mas lembram dele quando está muito salgada.

20. o sal é invisível quando está em ação, mas com a luz a historia é diferente.

21. o mar morto não deixa nada chegar ao seu fundo, na sua essência, ele devolve tudo para a superfície;

22. a luz reina onde há trevas, mas as trevas estão lá, em pequena quantidade, mas estão lá.

23. colocar luz embaixo da cama, gastando combustível a toa e colocando em risco a vida de outros. Luz escondida é sinal de “estou salvo e nunca perderei a salvação”. Coloco em baixo da cama e deito em cima despreocupado, corajoso

24. quando é que a sombra deixa de existir? Será que se ficarmos na mesma posição do sol não abriremos brecha para a sombra? Mas a partir do momento em que sairmos desta posição, quando nos afastarmos da luz produziremos trevas.

25. seria fácil para os apóstolos pregarem Jesus em Jerusalém, bastava dizer: “Este Jesus que vocês acabaram de matar, Ele é o filho de Deus”, mas dizer isto na Ásia menor, na Europa ou em lugares que nunca havia sido dito antes.

26. as vezes devemos suar tanto para provocar a ira em um irmão. Muitas vezes para viver em comunhão é tão simples.

27. o crente é como a lua em suas fases, nova, minguante, crescente e cheia, indo e voltando como uma roda gigante.

28. Deus jamais colocaria o homem para habitar em trevas

Por isto que não me canso de dizer: NÃO HÁ DEUS COMO JEOVÁ!

Um comentário:

  1. “Senhor, nos ajude a viver em união. Que a nossa família possa servir de exemplo para o mundo e refletir a tua glória como um espelho. Que no meio de uma geração apóstata, possamos resplandecer como o povo fiel e eleito, que cuida uns dos outros e que vela pela unidade e comunhão”.

    Hoje chega ao fim nossa Campanha Um minuto pela Família e é por este motivo que vim lhe convidar para ver a finalização da Campanha no blog Restaurando Minha Família.La estará o selo que poderás pegar para postar em seu blog.

    Daiane
    Campanha Um Minuto Pela Família
    Blog Restaurando minha Família.
    http://daiane-restaurandocasamentos.blogspot.com

    ResponderExcluir