Apresentação da lição em power point

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Apresento-lhes um novo Evangelho (Gl 1.6-8). Novas bem-aventuranças


Na placa deste ministério teríamos os seguintes dizeres: “Todos vós, sois bem-aventurados”. Certamente seria um ministério progressivo e próspero, com uma mensagem inovadora (Gl 1.8). Utilizariam as bem-aventuranças como carro chefe para suas pregações e arrebanhariam uma multidão de seguidores.

Como seria apresentadas estas bem-aventuranças: “BEM-AVENTURADOS SOIS TODOS VÓS, porque todos:
• Entrarão no reino Deus;
• Sereis consolados;
• Tereis a terra por herança;
• Sereis fartos;
• Alcançareis misericórdia;
• Vereis a Deus;
• Se tornarão filhos do altíssimo;
• Tereis galardões

Mas, como sempre tem um questionador em todos os meios, certamente alguém se levantaria e diria: “Mas todas estas promessas são assim tão fáceis? Não tem nenhuma condição? Não preciso me dispor de nada, me conformar, agir ou resignar algo na vida? Quando o milagre é muito até a “imagem de escultura” desconfia.

Como sempre é difícil convencer um questionador, vejam a continuação da indignação: “Mas não preciso ser pobre de espírito e reconhecer as minhas necessidades? Não consigo gerir minha vida? Não preciso chorar pela situação das almas que perecem? E a mansidão (Gl 5.22), foi para o espaço sideral? Não tenho necessidade de demonstrar sede e fome de justiça pelo reino de Deus? Exercício de misericórdia, posso ignorar? Limpeza somente do corpo exterior, coração sequer tenho? Podem continuar entulhados (Gn 26.15)? E em relação a paz, não preciso promovê-la ou amá-la?

A cada um destes questionamentos uma parte daqueles seguidores baixavam suas cabeças e se retiravam daquele lugar. Eles compreendiam que a salvação era muito mais do que promessas materiais evasivas e distorcidas que nunca se cumpririam em suas vidas.

Cada promessa de vitória é antecedida da certeza da bem-aventurança, que por sua vez está associada a uma ação, situação ou condição, que não podem ser desprezadas sob pena de não atingirmos a bênção prometida. O certo é que muitos não conseguem se encaixar nas condições pré- estabelecidas por Jesus.

Certa feita a cantora Heloisa Rosa, em uma de suas mensagens, disse: "Existem bênçãos para aquele que reconhece as suas necessidades, fraquezas e dependência de Deus"











No final do dialogo estariam somente o questionador e o “patrão” ministerial. O povo um a um foram se retirando. As vezes isto pode não acontecer e infelizmente podem permanecer confiando nas falácias humanas.
Por: Ailton da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário