Presidente Prudente (SP),

Apresentação da lição em power point

sábado, 17 de abril de 2010

7ª viagem - Ponte de Paulicéia e Panorama 20/02/2010 - 350 km


Já estava enferrujando, precisava logo esticar o esqueleto, então para isto somente uma corridinha de moto. Primeiro desafio estabelecer o destino, para isso levo em conta e estudo o momento do local na mídia, historia, distância, etc., na verdade não considero nada disto, é como se fosse a paixão a primeira vista, vejo, gosto e vou.

Um dia correndo pela net me deparei com a ponte de Paulicéia, lindona, moderna com um histórico de construção complicado, demorada, ficou muito evidente na mídia em 2009 devido a sua inauguração pelo Presidente Lula. Pronto, marquei as coordenadas e estabeleci o curso. Paulicéia – Panorama.

Encarei a Júlio Budisk, Marcondes, Sto Expedito, Flora, Irapuru, Junqueiropolis, Dracena, até chegar no meu destino, foram 350 km entre ida e volta.


Como para mim o importante é a curtição e não o tempo, demorei 4 horas, média de 40 km por hora para, para voltar foi o mesmo tempo.

A ponte realmente é linda e vista de perfil é mais ainda, bem feita, os raios no centro, tem até segurança. Passei por ela e desemboquei no lado sul matogrossense para matar a saudade daquela terrinha vermelha. Se soubesse que o segurança não invocaria teria atravessado ela a pé, apesar da sensação de insegurança que deve dar.


Somente não entendi uma coisa, uma vicinal dá acesso a ponte, ela fica 5 km da cidade, porém a cabeceira não é asfaltada, é terra, estranho, não dá nem 500 mts e deixaram sem asfalto. Do lado do MS é uma estrada que dá acesso a Brasilândia, 25 km de terra, num tive coragem de enfrentar, esforça muito a moto, apesar que estava com vontade.


Fiquei um tempo na ponte, depois corri a cidade e na volta dei uma parada em Panorama, que é do lado, fiquei umas horas, no balneário e na city até o momento que achei que deveria voltar. Parei em Junqueiropolis, aqui abro um parênteses, que cidade bonitinha e arrumadinha, o centro, os semáforos engraçados, nunca tinha visto daquele jeito, valeu a pena os minutos que fiquei lá.

Como voltei sem preocupação, demorei 4 horas para chegar em Prudente, rejuvenescido, pronto para outra.

Depois desta fui para Rosana, na próxima postagem eu conto como foi.

vídeo completos e fotos - orkut

Nenhum comentário:

Postar um comentário