Presidente Prudente (SP),

Apresentação da lição em power point

sábado, 21 de janeiro de 2012

Ser específico nas orações!

Estava lendo este livro hoje, pela manhã. Vou publicar outros pequenos trechos, mas este é ótimo:

Ser específico na oração não significa ditar ordens aos céus. No Getsêmani, Jesus pediu claramente ao Pai que seu cálice passasse adiante. Mas concluiu: "Não seja o que eu quero, e sim o que tu queres" (Mc 14.36).

E o apóstolo Paulo, ao ver negado o seu pedido para que o espinho na carne fosse extraído, disse: "De boa vontade, pois, mais me gloriarei nas fraquezas, para que sobre mim repouse o poder de Cristo" (2 Co 12.9).

Precisamos estar sempre abertos às surpresas de Deus. Ana pediu ao Senhor um filho - e recebeu, no lugar disso, quatro filhos e duas filhas! (1 Sm 2.21.) O Senhor "é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós" (Ef 3-20). É preciso ter fé para acreditar que ele pode nos dar o que pedimos, e mais fé ainda para crer que tudo o que vier a nos dar será, necessariamente, o melhor.

Fonte: Extraído do livro: Lições de fé. Autor: Marcelo Aguiar. Editora Betânia

Por: Ailton da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário