segunda-feira, 11 de outubro de 2021

Escatologia - aula 3

2) SEGUNDA VINDA DE JESUS

  • A segunda vinda está dividida em duas fases. A primeira fase será na manifestação secreta para arrebatar a Igreja (1 Ts 4.17) e a segunda será em sua manifestação visível para julgar as nações e prender a Satanás (Ap 1.7). Essas duas fases têm uma diferença de sete anos de uma para a outra, quando acontecerá Bodas do Cordeiro no céu e Grande Tribulação na Terra.

 

3) IGREJA E A GRANDE TRIBULAÇÃO

  • Pré-tribulacionista: Segundo esta corrente, Jesus virá buscar a Igreja antes da tribulação na Terra e antes da manifestação do Anticristo (I Ts 2.7), que por enquanto é impedido pelo Espírito Santo de se manifestar (teologia do detentor). Primeiramente Jesus virá para a Igreja (arrebatamento) e na segunda Ele virá com a Igreja, para instalação do Milênio (Lc 21.36; Rm 5.9; 1 Ts 1.9; 5.9; 2 Pe 2.6-9; Ap 3.10). Enoque foi tirado da Terra para não ver o Dilúvio (Gn 5.24) e Elias foi levado aos céus antes e para não presenciar o cativeiro babilônico (2 Rs 2.12), portanto a Igreja será a terceira a ser tirada antes do sofrimento, caso contrário seria muita injustiça da parte de Deus;
  • Pós-tribulacionista: Acreditam que a Igreja passará pela Grande Tribulação e que o tempo de tribulação não será necessariamente 7 anos e tampouco o Milênio será 1000 anos (Mt 24.9; 21,29; Mc 13.19-24; Jo 16.33; At 14.22; Rm 5.3; 1 Ts 3.3; 1 Jo 2.18,22; 4.3; Ap 1.9);
  • Mid-tribulacionista: Segundo esta corrente, a Igreja enfrentará a primeira metade da tribulação, quando então Jesus virá para busca-la, justamente este tempo coincidirá com a quebra do pacto entre o Anticristo e Israel (Mt 24.21-22; Mc 13.19-20).

 

4) SEGUNDA VINDA DE JESUS E O MILÊNIO

  • Pré-Milenismo Dispensacionalista: A volta de Jesus é dividida em duas fases distintas. Primeiramente ocorrerá o arrebatamento secreto da Igreja, antes da Grande Tribulação, para passar pelo Tribunal de Cristo e participar das Bodas do Cordeiro, enquanto que o Anticristo estará manifestado na Terra. No arrebatamento da Igreja ocorrerá apenas a ressurreição dos justos. No período de sete anos de tribulação a Igreja estará com Cristo no céu, será preservada;
  • Pós-Milenismo: A visão Pós-Milenista acredita que a segunda vinda de Cristo ocorrerá após o milênio. Dentro do próprio Pós-Milenismo existem diferentes opiniões sobre esse período milenar. Alguns acreditam que se trata dos últimos mil anos antes da volta de Cristo, enquanto outros defendem que o Milênio é o período que compreende desde a primeira até a segunda vinda de Cristo. O Pós-Milenismo afirma que nesse período ocorrerá uma completa evangelização no mundo e uma conversão em massa, o que ocasionará um grande desenvolvimento global em todos os aspectos (social, econômico, político e cultural);
  • Amilenismo. O Amilenismo entende que os mil anos são simbólicos (Ap 20) e que não estão relacionados a um período de paz e prosperidade na terra, mas ao caráter espiritual do Reino de Cristo. Alguns defendem que o Reino de Cristo já acontece com os salvos que já morreram, enquanto outros acreditam que também existe uma conexão com a Igreja, e a pregação do Evangelho na Terra, porém essa evangelização não será acompanhada de paz e prosperidade, mas de sofrimento terreno, o qual a Igreja de Cristo sempre enfrentou ao longo de sua história.

 

5) DOUTRINA DAS RESSURREIÇÕES

  • Primeira ressurreição. É chamada de primeira ressurreição porque após 1000 anos haverá a segunda, que será a ressurreição dos ímpios (Ap 20.5-6). A primeira ressurreição abrange pelo menos três grupos distintos de ressuscitados (1 Co 15.23) as primícias, grupo formado por Jesus e os santos que ressuscitaram por ocasião a sua morte na cruz (1 Co 15.20-23; Mt 27.53; Cl 1.18), tipificado pela festa das primícias (Lv 23.10-12). O segundo grupo é chamado de “colheita geral”, é formada pelos santos que ressuscitarão no momento do arrebatamento da Igreja (1 Ts 4.16-17; Lc 14.14; 1 Co 15.51-52; Lv 23.22). São todos os salvos desde o tempo de Adão, tipificados pela lei do rabisco ou respigas (Lv 23.22). O último grupo é formado por gentios salvos e martirizados durante a Grande Tribulação, que ressuscitarão logo antes do Milênio. Serão recolhidas durante a metade da Grande Tribulação (Ap 6.9-11; Ap 7.9-14; 15.2; 20.4; Ap 14.13-16; Lv 23.22).
  • Segunda ressurreição. Esta ressurreição abrangerá a todos os ímpios mortos de todos os séculos desde Adão e acontecerá após o Milênio (Ap 20.5,11,15), para ocasião do Juízo Final.

continua...

Por: Ailton da Silva - 12 anos (Ide por todo mundo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário