terça-feira, 8 de junho de 2021

Os primogênitos: Deixa o meu ir, senão levo o seu. Apresentação

INTRODUÇÃO

 A trajetória dos hebreus no Egito se iniciou com a mudança de todo o clã que, a pedido de José, o governador, usufruíram do melhor daquela terra. O filho que o pai julgava morto abençoou toda a família.

Toda a situação vivida por José, enquanto escravo e a fome que assolou boa parte da humanidade fizeram parte do plano de Deus para unir novamente todos os filhos de Jacó, prova disto é que todos da família atenderam ao convite, não ficou nenhuma alma em Canaã, todos se mudaram alegres e confiantes nas providências de Deus.

A possibilidade pela mudança gerou uma expectativa enorme naquelas vidas, ninguém desejou ficar no sofrimento. Todos foram em direção à novidade de vida, mas logo a alegria pelos privilégios recebidos daria lugar ao sofrimento e angustia.

Os bons ventos do Egito mudaram e logo os hebreus perceberam a catástrofe, sofreram muito, foram reduzidos À escravidão, mas um dia clamaram e foram ouvidos. O socorro não tardou. Enfim o primogênito de Deus conheceu a liberdade, enquanto que o de Faraó foi levado.

Por: Ailton da Silva - 11 anos (Ide por todo mundo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário