Presidente Prudente (SP),

Apresentação da lição em power point

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Prosperidade de Davi

“E, ouvindo Eliabe, seu irmão mais velho, falar aqueles homens, acendeu-se a ira de Eliabe contra Davi, e disse-lhe: porque descestes aqui? E a quem deixaste aquelas poucas ovelhas no deserto? Bem conheço a tua presunção e a maldade do teu coração, que desceste para ver a peleja” I Sm 16:28

Eliabe, o primeiro que se decepcionou na festa da unção, ficou bravo com o irmão. Davi não foi convidado, de principio para a festa e agora diante dos insultos do filisteu Golias, resolveu tomar uma atitude. Já não bastasse aquele dia na festa, agora estava o garoto de novo sobressaindo aos seus irmãos.

“[...] E a quem deixaste aquelas poucas ovelhas no deserto”?

Poucas? Será que sabiam por acaso quantas ovelhas tinham? Será que alguns deles arriscaram a vida pelo rebanho do pai (I Sm 17:37)?

Tudo bem que eram poucas as ovelhas, mas um dia a história seria diferente. Não haveria currais suficientes, terras, pasto, pastores para cuidarem do rebanho do grande rei Davi.

Será que os irmãos dele não conheciam aquela tão famosa “teologia da prosperidade”? Naquele tempo não era tão praticada? Ah! Se fosse nos dias atuais, como o Davizinho teria a resposta na ponta da língua, aliás convites para participar aqui e acolá não faltariam.

Mas tudo o que aconteceu na vida de Davi, as suas vitórias, alegrias, tristezas, erros e principalmente a próspera vida estavam previstos no plano de Deus. A guinada na sua vida se deu justamente após a unção, pois ficou reservado, somente esperando. Aceitou o convite para trabalhar para Saul como escudeiro (I Sm 18:21), suportou calado as perseguições e somente no momento certo foi elevado ao trono.

A teologia da prosperidade certamente o faria exigir de Deus o trono logo após a unção (credes nos seus profetas e prosperareis – II Cr 20:20). Ou após a vitória sobre Golias (venham derrubar o gigante da sua vida – I Sm 17:51) ou após cada escapada da perseguição de Saul (Escapa-te por tua vida – Gn 19:17). Assim ele receberia a sua vitória antes da hora e talvez não seria tão próspero ou não a usaria da forma correta.

E quanto a maldade do coração, não entendi o que ele quis dizer com isto, por acaso aquela seria uma luta de MMA, UFC. Davi foi até lá para ver as mortes, as barbáries? Que mente pobre esta de Eliabe. A presunção até que dá para entender.

Por: Ailton da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário