Apresentação da lição em power point

sábado, 24 de dezembro de 2011

Sacrifícios anuais. O natal é mais um

Sabem por que eu respeito quem comemora e acredita em "natais", pois são muitos? Meu pastor disse ontem:

"Antigamente, após estas festas de fim de ano, muitos crentes eram disciplinados"


Me perdoem a minha reação, mas perder a salvação por causa de uma tradição tão boba? Mas porque este tipo de disciplina:
a) Perdiam as estribeiras?
b) Saiam do espírito?
c) Ou eram facilmente facilmente enganados, porque qualquer vento de "festinha", sociabilidade, amizade? Em julho, agosto e nos outros meses se comem vivos e agora....

O que mais tem hoje são: MOABITAS, AMONITAS, ASDODITAS, doidos para tirarem seus filhos da presença de Deus e pior para despejarem nas mentes deles estas tradições que não levam a nada. Lembram da lição passada: o primeiro estrago nos filhos dos judeus de casamentos mistos foi na língua, depois seria na tradição até chegarem onde o inimigo de nossas almas deseja.

É fácil entender isto, vejam:
a) Quais são as pessoas que sairão em cima de camionetes zero km jogando "balas" para crianças nas ruas? Os patrões dos pais deles, que passaram o ano todo pagando salários baixos e humilhando funcionários nas empresas;

b) Quem aparecerá nas TVs todos sorridentes, alegres, felizes e de branco, como se fosse o dia mais importante da raça humana? Os artistas que ficaram o ano todos aos domingos a tarde se expondo para seus filhos apreciarem toda sorte de sensualidade, depravação, aqueles que mesmo doentes não se entregaram a Jesus e pregaram sobre o espiritismo e outras crenças em todas as mídias;

c) Politicos (que recebem auxílio paletó, auxílio meia, gravata, roupas íntimas), que aprovam aumentos abusivos de salário (70, 80%) e não aprovam aumentos para aposentados acima da inflação (menos de 5%);

d) Jogadores de futebol (estes são os piores), pois deixam as tv de plantão para cobrí-los em suas entregas de presentes de 1 real. Deviam ter vergonha na cara;

Ai, alguém vai dizer: "Mas é bom, pelo menos uma vez ao ano, fazer o bem". Façam isto em março, agosto, em qualquer outra data, menos hoje e não alarmem ninguém.

Fazendo o bem uma vez ao ano é possivel apagar o mal que foi feito em 364 dias? Acho que é somente UM que pode apagar o mal da vida das pessoas, JESUS.

Continuo respeitando, somente não vejo lógica, fundamento e necessidade disto. Acreditar em natal é o mesmo que acreditar em salvação atrelada a sacrifícios anuais (tipo este de jogar balas para crianças nas ruas, muitos prometem que farão isto todos os anos, pois dizem de boca cheia; Deus foi muito bom para mim. Então se Ele foi bom, ACEITA JESUS COMO SALVADOR E PARE DE JOGAR BALAS).

Sem falar que natal é o mesmo que acreditar na salvação após o 7º dia (só estão os ossos no túmulo e a parentaiada toda se prateando acreditando que algo vai mudar). já imaginaram o pior dos bandidos, assassinos, pois então, a mãe e os irmãos gostam dele, a sociedade não. A família fará de tudo para vê-lo salvo após a morte (Meu Deus e meu Pai).

Por: Ailton da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário